VIGILÂNCIA PEDE ATENÇÃO CONTRA FALSOS FUNCIONÁRIOS

A Vigilância Epidemiológica de Mogi Guaçu registrou reclamações de diversos moradores do Jardim Centenário sobre um impresso distribuído nesta segunda-feira, dia 14, em casas daquele bairro, informando sobre uma suposta visita dos agentes de saúde marcada para esta terça-feira, dia 15, no período da manhã, às 10h.

Diante desta situação, a Vigilância Epidemiológica de Mogi Guaçu comunicou a Guarda Civil Municipal, uma vez que pessoas sem qualquer vínculo com o órgão estão distribuindo falsos comunicados em impressos que foram adulterados de forma grosseira. Os informes falsificados estão grafados a mão com a frase “HOUVE DENUNCIA DO VIZINHO”.

Estas cópias foram distribuídas em regiões que sequer constavam na programação de visitação dos agentes da Vigilância Epidemiológica, que faz uma alerta: esses avisos adulterados devem ser ignorados.

Em caso de dúvida, o morador pode entrar em contato com a Vigilância Epidemiológica, por meio do telefone 3811-9800. A recomendação é que ninguém sem identificação prévia esteja autorizado a entrar em residências em nome da Vigilância Epidemiológica.

Em Mogi Guaçu, o trabalho de contenção dos casos da dengue é feito pela Bump Impermeabilização e Dedetização, de Lins, que venceu licitação realizada pela Prefeitura. O serviço de combate à dengue inclui ações de bloqueio e aplicação de inseticida para exterminar focos do mosquito transmissor da doença.

Bira Mariano

Formado em Jornalismo pela Unaerp - Universidade de Ribeirão Preto, com módulos de pós-graduação em Jornalismo On Line pela Fundação Cásper Líbero. Trabalha na área desde 1995 e possui alguns sites, dentre eles o Jornalístico e o Animal e Companhia.

Seja o primeiro a comentar