VEREADOR ZANCO COBRA DO ESTADO IMPLANTAÇÃO IMEDIATA DO DEJEM AOS PM’S

O líder comunitário e parlamentar da Zona Sul e da Vila Paraíso, o vereador Luís Zanco Neto, o Zanco da Farmácia, do Solidariedade, cobrou do Estado a implantação imediata do DEJEM (Jornada Extraordinária de Trabalho Policial Militar), cuja medida beneficia os policiais militares a trabalharem voluntariamente em suas folgas, com direito a uma remuneração adicional.

No total, 3 mil PMs farão parte do programa e Mogi Guaçu está inserido no programa.

“Na Atividade Delegada, o policial trabalha armado, fardado e sob o comando da corporação. Agora faremos o mesmo no Estado. Inicialmente, serão três mil policiais no DEJEM. Ou seja, teremos mil PMs a mais por dia em todo Estado”, afirmou Zanco, preocupado com a demora de a medida ser implantada em nosso município.

Por isso mesmo, o vereador requereu ao governador do Estado ao Secretário de Estado da Segurança Pública e ainda ao Comandante Geral da Polícia Militar, a adoção de estudos para aplicação da Lei Complementar n. 1227, que dispõe a instituição da diária especial por jornada extraordinária de trabalho policial militar.

“Os policiais militares de Mogi Guaçu estão aguardando esta definição e por conta do profissionalismo deles é preciso agilizar o programa para que recebam a remuneração extra que tanto faz falta no orçamento.

“Vale lembrar que no dia 19 de agosto de 2014, a Secretária de Estado dos negócios da Segurança Publica Policia Militar do Estado de São Paulo enviou um oficio informando que nesta nova configuração, em análise conjuntural, o CPI-2 verificará a necessidade de redistribuição de vagas DEJEM no âmbito daquele comando, e a possibilidade de destinação de vagas para o 26 BPMI, área territorial de Mogi Guaçu”, mencionou Zanco. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *