SERVIDORES TERÃO REAJUSTE DE MERDA: 5,6%

Assembléia formada até mesmo por diretores do Sindiçu aprovou a proposta do prefeito Walter Caveanha de 5,62% como reajuste dos salários da categoria. A discussão foi colocada em votação na quinta-feira e os diretores do sindicado do presidente Mirinho ajudaram a aprovar o índice de merda.

No site do sindicato, uma nota parecia um escárnio contra os trabalhadores. Diz assim: “Esse compromisso assumido pelo presidente Mirinho de não aceitar parcelamentos teve uma trajetória de discussões e de pulso firme que garantiu ao servidor guaçuano esse direito”.

Na primeira proposta a prefeitura ofereceu o índice inflacionário em 2 parcelas como sendo: 3% em abril e 2,62% em janeiro/15. A segunda proposta foi de 4% em abril e 1,62% em setembro. Mas as duas propostas foram prontamente rejeitadas.

A assembléia foi então convocada através do sistema de mensagens para celulares a qual a rejeição a proposta seria votada.

Às 17h, a administração informou o presidente Mirinho da decisão de repassar a inflação de 5,62% em uma parcela a partir de abril, favorecendo assim as negociações e votada a favor pela maioria dos servidores presentes a partir da 2ª chamada da assembléia.
Por ironia do destino, o abono de R$ 100,00 – concedido no tempo do prefeito Paulinho, foi mantido e até considerado motivo de júbilo, o que poderia ser uma contradição, já que o benefício um dia foi considerado ‘pouco’.

 

Para o Presidente Mirinho, “a persistência e a razão prevaleceram. Graças a isso o servidor guaçuano recebeu justiça em suas reivindicações.”

 

OPINIÃO DO JG

É isso aí. Parabéns ao Mirinho pelo pulso firme e persistência, que fizeram de fato justiça aos servidores. 

Bira Mariano

Formado em Jornalismo pela Unaerp - Universidade de Ribeirão Preto, com módulos de pós-graduação em Jornalismo On Line pela Fundação Cásper Líbero. Trabalha na área desde 1995 e possui alguns sites, dentre eles o Jornalístico e o Animal e Companhia.

Seja o primeiro a comentar