ROTARY MANDA BEM E FAZ PLANTIO DE 600 MUDAS NO CÓRREGO DOS MACACOS

Em parceria com a Saama (Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente), o Rotary Club de Mogi Guaçu promoveu neste domingo, dia 20, o plantio de 600 mudas de árvores de espécies nativas para recomposição da mata ciliar do Córrego dos Macacos.

Por iniciativa do Rotaract, programa de jovens lideranças do Rotary International, a ação contou com voluntários e moradores de bairros próximos na zona Sul e tomou forma em alusão ao Dia da Árvore, que se comemora em 21 de setembro.

Foram plantadas 80 espécies, como araçá, tamboril, pau-formiga, jatobá, jenipapo, pitanga, amora e outras. O próximo passo será demarcar a área com grades de madeira para identificar o projeto e proteger as mudas contra a depredação.

Segundo o secretário de Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente, Márcio Antonio Ferreira, a ação atende também a compromisso ambiental entre a Prefeitura e a Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo).

A recomposição de matas nativas e ciliares está contemplada no projeto Viva Verde e irá se repetir em outras as áreas. A próxima é a Praça da Juventude “Luiz Mesquita Fialho”, no Jardim Vitória, segundo o professor Leonardo Benedicto, coordenador do Rotaract.

As 600 mudas plantadas no Córrego dos Macacos foram cultivadas no viveiro que a Saama mantém na Faculdade Municipal Professor Franco Montoro e que serve também ao curso de Engenharia Ambiental da instituição.

Em 2013, foram doadas 15.911 mudas para recuperação de nascentes, arborização urbana e reflorestamento. No ano seguinte, esse número aumentou para 22.256 e, em 2015, até o momento, já são quase 13 mil mudas fornecidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *