PRESIDENTE DA CÂMARA ELABORA PROPOSTAS DE VALORIZAÇÃO DOS SERVIDORES DA PREFEITURA

Valorização profissional e salarial, além de melhor ambiente de trabalho e autonomia no exercício da função. Estes são os pilares de um programa que o presidente da Câmara, Luís Zanco Neto (PTC), vai defender junto à administração municipal – em favor dos trabalhadores da Prefeitura.

Na opinião de Zanco, depois da reforma trabalhista, os servidores ficaram a Deus dará, sem que uma voz ativa em favor de suas pautas.

“Não queremos substituir o sindicato da categoria. Não é isso”, explica o parlamentar, que está em segundo mandato. “O que desejamos é agregar forças, possibilitar uma interlocução mais ativa e conjunta, que favoreça  os servidores nas suas reivindicações”, menciona.

De acordo com Luís Zanco, “em outras palavras, é exigir respeito para com os mais de quatro mil trabalhadores que dão o seu melhor, todos os dias, em favor da população guaçuana e o bem da cidade.

Zanco reconhece as dificuldades que a administração municipal possui para atender todas as reivindicações dos servidores, mas adianta que é possível avançar em outras direções, ser mais criativo.

“É claro que o salário que atenda às necessidades pessoais e familiares ainda é a melhor forma de valorizar os trabalhadores, sem dúvida alguma. Porém, não podemos esquecer que, juntamente com este importante ponto da vida de quem é servidor público, é fundamental ter excelente ambiente de trabalho, acabar com as supostas perseguições, bem como possuir diretores e secretários abertos às críticas e sugestões”, destacou.

PROPOSTAS

Luís Zanco confirmou que solicitou ao seu gabinete a realização de um levantamento de diversas propostas, em especial junto aos próprios servidores e o sindicato da categoria. Ressaltou que não será um documento de caças às bruxas, de críticas impertinentes à administração. “Aliás, a administração e os secretários são essenciais na elaboração destas propostas porque são os agentes ativos para que a valorização dos trabalhadores seja executada”, citou.

O documento, segundo Zanco, terá três eixos básicos: recomposição salarial, melhor ambiente de trabalho e valorização profissional. Outro destaque das propostas que o vereador deseja defender é a realização de cursos de aprimoramento, lazer efetivo e autonomia para o desenvolvimento das capacidades profissionais.

“Os servidores são a ponta de lança de uma melhor cidade, de uma comunidade com serviços de qualidade e a garantia de tranquilidade social. É essencial reconhecer este fato”, avisa.  

Bira Mariano

Formado em Jornalismo pela Unaerp - Universidade de Ribeirão Preto, com módulos de pós-graduação em Jornalismo On Line pela Fundação Cásper Líbero. Trabalha na área desde 1995 e possui alguns sites, dentre eles o Jornalístico e o Animal e Companhia.

Seja o primeiro a comentar