PREFEITO: TOLERÂNCIA ZERO CONTRA A DENGUE E PREGAR FOGO NO AEDES

Agora é tolerância zero contra a dengue. Após o Guaçu ter passado por sua pior epidemia da doença, o prefeito Walter Caveanha (PTB) determinou pregar fogo contra o mosquitão aedes, o fia da mãe que derruba todo mundo.

Pode parecer brincadeira, mas dengue é coisa séria – e pode matar.

Ele próprio tem se aproveitado de ocasiões públicas para que todos entrem nesta luta, e solicita para que todos fiquem de olhão bem aberto para não deixar criar ninho do mosquito transmissor.

“Precisamos prevenir, agir antes que a doença se alastre”, tem afirmado, enfatizando a necessidade das ações preventivas por parte da população.

“As crianças têm papel fundamental nessa guerra. São os nossos soldados, tanto porque podem ajudar a combater a propagação do mosquito, quanto pela conscientização que podem levar aos pais”, argumenta o prefeito.

Caveanha afirma que a união faz força e que  se a população se unir, a infestação será evitada e a dengue virará coisa do passado.

O boletim mais recente liberado pelo Programa de Epidemiologia e Controle de Doenças, da Secretaria Municipal de Saúde, liberado na última sexta-feira, dia 13, aponta 14.557 casos positivos da doença, com 19 exames aguardando resultado. As notificações totalizam 20.352.

O prefa ainda lembra que a Prefeitura fez um grande esforço desde o começo do ano, investindo “todos os recursos necessários” no combate à doença.

Por isso, os casos positivos caíram, mas não se pode dar mole contra o mosquito. É pra dar o reio no danado, não deixando água parada que se transforme em criadouros.

Prevenção é a palavra chave, tem dito Walter.

Bira Mariano

Formado em Jornalismo pela Unaerp - Universidade de Ribeirão Preto, com módulos de pós-graduação em Jornalismo On Line pela Fundação Cásper Líbero. Trabalha na área desde 1995 e possui alguns sites, dentre eles o Jornalístico e o Animal e Companhia.

1 Comentário

  • Responder dezembro 1, 2015

    Adriano Paiva

    Outra piada e com graça.
    Primeiro que a Prefeitura não fiscaliza os terrenos baldios.
    Segundo e já até entrei no Whatzap de um funcionário da Prefeitura pedindo ajuda, para limpar a calçada cheio de mato.
    Este Prefeito não tem culpa, porque a burrada foi feita no tempo do Paulinho, mas acho que poderia melhorar sua ação, já que estão loteando o terreno em frente a minha casa.
    Vai no Santa Marta e vê a situação, só pra avisar: desta fez guardei o escorpião que picou minha filha dentro de casa. Ah! pediram para avisar a Vigilância e a Zoonose, piada com graça.. né

Deixe um comentário