MOGI GUAÇU DÁ EXEMPLO E INVESTE MAIS DO QUE O OBRIGATÓRIO EM SAÚDE

Em audiência na Câmara Municipal, foi informado pela secretária de Saúde, Clara Alice Franco de Almeida Carvalho, que a prefeitura investe bem mais do que o mínimo obrigatório no atendimento à população.

Nestes primeiros quatro meses do ano, já foram aplicados R$ 23.300.910,00, o que corresponde a 25,02% da arrecadação no período, de R$ 93.147.725,00. É muito mais do que o mínimo de 15% que a lei obriga. Se fosse feito apenas isso, a grana aplicada seria de R$ 13.972.159,00, ou seja, praticamente a metade.

A arrecadação tem como receita recursos próprios do Município, transferências federais e transferências estaduais.

Os dados foram apresentados na quinta-feira, dia 2, em audiência pública de prestação de contas do primeiro quadrimestre de 2016.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *