LIUGONG É O INÍCIO DA RETOMADA DO DESENVOLVIMENTO, DIZ WALTER

O prefeito Walter Caveanha (PTB) ao falar na inauguração da fábrica da LiuGong, nesta sexta-feira, dia 20, lembrou os primórdios da indústria cerâmica, deflagrado por italianos, passando pelos casos da antiga Champion, da atual Ingredion e da Mahle, empreendimentos de capitais americano e alemão.

Nessa linha de resgate histórico, foi afirmativo. “É uma honra receber a LiuGong”, disse, lembrando o fato de a empresa proceder da China e escolher Mogi Guaçu como porta de entrada no Brasil. Os investimentos na cidade é de R$ 120 milhões

Caveanha recordou quando recebeu os representantes chineses pela primeira vez em seu gabinete. “Já naquela hora, não tive dúvida.Queremos a LiuGong”, relatou sobre sua disposição.

“Hoje, não tenho dúvida. Com essa indústria (a LiuGong), é o início da retomada do nosso desenvolvimento”, proclamou o prefeito. “Confio no potencial da LiuGong e estaremos de braços abertos para tudo que for para ajudar Mogi Guaçu a crescer”, prosseguiu.

O prefeito lembrou episódio de seu governo anterior, quando o governador Geraldo Alckmin liberou recursos do Estado para garantir parte da infraestrutura do Distrito Industrial Mogi Guaçu, que implantou em sua terceira administração.

“Foi um apoio significativo do governador Geraldo Alckmin (PSDB), incentivador da interiorização do desenvolvimento”, concluiu o prefeito, não sem pedir que continue a apoiar os municípios nesse campo.

PALAVRA DE ALCKMIN: “CONTE CONOSCO, WALTER”

 

“O que precisamos para crescer é mais investimento”, defendeu o governador Geraldo Alckmin na inauguração da LiuGong. E a instalação da empresa japonesa em Mogi Guaçu oferece exatamente contribuição nesse sentido.

Alckmin observou que o Brasil e a China são países vocacionados para grandes parcerias econômicas. “Essa primeira fábrica da LiuGong em nosso país vai fortalecer ainda mais a parceria entre o Brasil e a China”, enfatizou.

“Esta é uma fábrica de desenvolvimento”, prosseguiu, considerando o fato de que a companhia chinesa produz máquinas pesadas para a construção, o que é fator de incremento à expansão econômica.

“Felicito Mogi Guaçu por essa grande conquista. É um investimento importante de 120 milhões de reais”, disse. E, como últimas palavras, bem de frente com o prefeito, deu um recado direto a Caveanha.

“Conte conosco, Walter, para ampliar ainda mais o parque industrial de Mogi Guaçu”, comprometeu-se.

(Texto e fotos da secretaria de comunicação da Prefeitura)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *