IVENS: “PROGRAMA DE RECAPE E SINALIZAÇÃO GARANTE MAIS SEGURANÇA”

Líder do prefeito Walter Caveanha (PTB) na Câmara Municipal, o vereador Ivens Chiarelli (PTB), voltou a mencionar os investimentos realizados pela Prefeitura em obras de recape, asfaltamento e sinalização de diversas vias, ruas e avenidas do Guaçu.

“São as maiores obras de recape e asfaltamento da história recente do Guaçu, e refletem o espírito  empreendedor e de bom administrador do prefeito Walter. São obras que  garantem mais segurança e fluidez ao trânsito, um esforço da atual administração em garantir um tráfego mais humano e seguro, e que tive a honra de liderar os projetos na Câmara Municipal”, confirma o parlamentar.

Ivens lista que foram concluídas no começo da semana as obras de recuperação da pavimentação da Avenida Emília Marchi Martini. No total, foram recapeados mais de 3 quilômetros de pista dupla, desde o cruzamento com a Avenida Carlos Braga de Faria, até a rotatória de entroncamento com a Avenida Suécia.

“Além disso, é importante ressaltar que a via recebeu nova sinalização horizontal e vertical, bem como novas faixas para pedestres em ambas as pistas. Além do recape, a Avenida Emília Marchi Martini recebeu novo gramado e paisagismo em trechos do canteiro central separados pelo novo cruzamento com a Avenida dos Trabalhadores, deixando-a ainda muito mais bonita”, ressaltou o vereador.

Ainda de acordo com Ivens, os investimentos visam à segurança do trânsito no local, fazendo com que o dispositivo seja dotado de conjunto de semáforos e alças de desaceleração com novos retornos.

“Outra coisa importante de dizer é que o plantio de grama, mudas de árvores e plantas ornamentais, além da limpeza geral e elevação da copa das árvores, é realizado pela Saama (Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente)”, mencionou.

MAIS OBRAS

A primeira fase de recape foi realizada em 2015, começando pela Avenida Mogi Mirim.

Na atual fase, em que será recapeada também a Avenida dos Trabalhadores, o investimento é da ordem de R$ 2.370.000,00.

Na primeira e na segunda fase – em que a próxima a ser recapeada é a Avenida Nico Lanzi -, foram investidos quase R$ 6 milhões.

“Agora, a recuperação da Trabalhadores  tem início desde a rotatória do Hospital Municipal até a Ponte de Ferro Vermelha e depois seguindo até a Avenida Marchi Martini desde a rotatória do supermercado Roffato”, observa Ivens Chiarelli. “É uma obra portentosa de  urbanização”, afirma.

 Chiarelli ainda destacou que a Prefeitura conquistou verba por meio de venda de terreno para concluir a iluminação do trecho da Avenida dos Trabalhadores, entre a Santa Edwiges até a rotatória da Emília marchi Martini.

Bira Mariano

Formado em Jornalismo pela Unaerp - Universidade de Ribeirão Preto, com módulos de pós-graduação em Jornalismo On Line pela Fundação Cásper Líbero. Trabalha na área desde 1995 e possui alguns sites, dentre eles o Jornalístico e o Animal e Companhia.

Seja o primeiro a comentar