HABIB’S DO GUAÇU FECHA PORTAS E PÕE 20 NA RUA

A crise econômica e política do governo golpista, ilegítimo e corrupto do anão michel temer fez uma grande vítima no comércio de Mogi Guaçu. A unidade do Habib’s local fechou as portas e de uma cacetada só mandou para o olho da rua 20 funcionários com carteira assinada, além dos temporários.

De acordo com fontes do JG, o sindicato que representa a categoria dos colaboradores teria buscado, junto à empresa, uma alternativa para que a unidade de fast food se mantivesse aberta, mas a luta foi inglória.

Assim, para quem passou pelo endereço, localizado no coração da cidade, foi pego de surpresa ao ver tudo fechado. O encerramento das atividades segue a política da empresa, cuja sede fica em Ribeirão Preto, de dar fim às unidades que apresentem déficit. A culpa, claro, é da crise econômica.

Outro fator que teria pesado seria o valor do aluguel, considerado alto mesmo para uma empresa como o Habib’s.

Segundo outra fonte consultada, os preços das locações na região central estão nas alturas. Por exemplo, um cubículo de 18 metros quadrados não sairia por menos de R$ 2,8 mil. “Para uma região decadente, como o centro, está muito salgado”, afirmou a fonte.

Restou aos funcionários se despedirem uns dos outros, e da empresa, com uma reunião festiva em um salão de festas guaçuano.

Vale lembrar que o Habib’s de Mogi Guaçu foi inaugurado em 2012.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *