GUARDA COMEMORA 35 ANOS ENTRE EMOÇÕES E HOMENAGENS

Com homenagens aos primeiros comandantes e agentes com mais tempo de serviço da corporação, foram comemorados nesta terça-feira, dia 7, os 35 anos de fundação da Guarda Civil Municipal de Mogi Guaçu.

A solenidade foi realizada no Teatro Tupec, no Centro Cultural, e contou com a presença de autoridades civis e militares locais e comandantes das guardas civis municipais de diversas cidades.

O primeiro diretor da GCM, Antenor Bizigatto, e o primeiro comandante operacional da corporação, Jairo José de Oliveira, receberam homenagem especial. Também foram homenageados 15 guardas civis com mais de 30 anos de serviço.

Entre eles o atual comandante, Claudemir Adorno da Costa, que, coincidentemente, nesta data completou 31 anos de carreira, subcomandantes, inspetores, subinspetores e GCMs da classe especial. O efetivo feminino também recebeu homenagens e flores.

O prefeito Walter Caveanha não pode comparecer à cerimônia devido a compromisso em Brasília e foi representado pelo vice-prefeito Daniel Rossi, que enalteceu a história e a importância da corporação para Mogi Guaçu.

Caveanha, hoje no exercício do quinto mandato, implantou a Guarda Civil Municipal em sua primeira gestão, por ato de 9 de março de 1982. Nestes 35 anos, a GCM tornou-se imprescindível para a segurança pública concomitantemente ao trabalho da Polícia Militar.

A secretária municipal de Segurança, Judite de Oliveira, e o diretor da instituição, Adriano Rodrigues, estenderam suas homenagens a todos os guardas presentes. Honraria especial foi dedicada ao GCM Augusto Miguel Gileno, que morreu no dia 19 de janeiro.

Um dos convidados especiais para a solenidade foi Wildes Bruscato, co-autor do Hino do Município de Mogi Guaçu e autor do Hino da Guarda Civil Municipal, que foram executados pela Banda Sinfônica de Mogi Guaçu sob a regência do maestro Benedito de Carvalho.

Antes das homenagens, o advogado, professor e ex-delegado de Polícia Ruyrillo Pedro Magalhães, que também foi secretário de Segurança Pública de Campinas, e o ex-secretário de Segurança de Santa Bárbara D’Oeste, Eliel Miranda, ministraram duas palestras.

A comemoração contou com a presença de secretários municipais e dos vereadores Luiz Zanco Neto, presidente da Câmara Municipal, Jeferson Luís, Thomaz Caveanha, Luciano Firmino Vieira, Fábio Luduvirge Fileti, Natalino Antonio da Silva e Luiz Carlos Nogueira.

Atualmente, são 133 guardas civis municipais, somados os efetivos masculino e feminino, que atuam em pontos fixos, como o Paço Municipal e a sede da GCM, e nas equipes de policiamento ostensivo, inclusive na zona rural.

Com frota renovada, novos fardamento e coletes balísticos, armamento reforçado e novos equipamentos de comunicação, a Guarda Municipal de Mogi Guaçu conta hoje com unidades como Romu (Rondas Ostensivas Municipais), GAM (Grupo de Apoio com Moto), Canil e Patrulha Ambiental.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *