BICHEIRA MONSTRO DEVORAVA CÃO DE RUA RESGATADO

Um cachorro de rua estava sendo literalmente comido por uma bicheira monstro instalada no dorso do animal. O cão foi resgatado na quinta-feira pelo responsável da DPBEA (Divisão de Proteção e Bem-Estar Animal), Rogério Oliveira, da Prefeitura Itapira.

Oliveira se deslocou à rua Geni Davis Zonini, no Jardim Itamaracá, onde uma mulher havia dado guarida ao peludo em sofrimento.

A mulher foi a única pessoa que consegui resgatar o pet, após várias tentativas frustradas. É que ele era arredio e sempre fugia com a aproximação de humanos.

“A cena que eu vi foi um verdadeiro terror. Foi um dos resgates mais difíceis que realizei até hoje, justamente por causa da debilidade do animal que mal andava, além das moscas e do cheiro fortíssimo que exalava do ferimento exposto nas costas dele.

Foi preciso usar Vick Vaporube no nariz tamanha a impressão que a bicheira nos passava.

O animal foi levado a atendimento veterinário na clínica do Dr. Guilherme Breda, onde foram retirados milhares de bernes do pequeno cão. “Graças a Deus o cão deve ficar bem, com o ferimento fechando em 30 dias após a limpeza e tratamento”, explicou o diretor da DPBEA.

Bira Mariano

Formado em Jornalismo pela Unaerp - Universidade de Ribeirão Preto, com módulos de pós-graduação em Jornalismo On Line pela Fundação Cásper Líbero. Trabalha na área desde 1995 e possui alguns sites, dentre eles o Jornalístico e o Animal e Companhia.

1 Comentário

  • Responder janeiro 26, 2016

    Heiter

    Parabéns pela atitude de todos envolvidos!!

Deixe um comentário